Tolerância para Multa de Velocidade

Tolerância para Multa de Velocidade
Rate this post

excesso de velocidade

Foi reduzida a tolerância para multa de velocidade pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), sendo reduzida de 10 km/h para 7 km/h a margem de tolerância na fiscalização dos radares fixos e móveis na cidade de São Paulo. Essa nova tolerância, dependendo do tipo de equipamento, vem sendo apontada como um dos fatores para a explosão nas multas por excesso de velocidade registrada por aparelhos fixos. Estima-se que teve um aumento de quase o dobro do que era computado anteriormente.

Tolerância para Multa de Velocidade

O carro flagrado a 78 km/h em via com limite de 70 km/h, antigamente não seria multado, de acordo com a tolerância antiga. Após algumas mudanças na legislação, o indivíduo que não respeitar a tolerância de velocidade, irá pagar multa de R$130,16 e levará quatro pontos na carteira. Antes, as multas referente a velocidade eram poucas, o que aumentou significativamente hoje em dia, em vista de uma fiscalização maior, tudo isso devido a diminuição da tolerância de velocidade.

Tolerância para Multa de Velocidade: Como funciona?

A tolerância para multa de alta velocidade é, na verdade, a margem de erro fixada por lei para equipamentos de fiscalização fotográfica, já usada para lombadas eletrônicas da capital e por órgãos de trânsito do país.

De acordo com a legislação, a margem de erro é de 7 km/h para velocidade até 100 km/h e 7% acima de 100 km/h. Em caso de circulação pela cidade, a máxima velocidade é de 90 km/h, no caso de marginais ou avenidas maiores. Antigamente, chegou a se ter altos descontos, como em SP, que já chegou a ter descontos de 15 km/h a 20 km/h.

 

A mudança em relação a tolerância para a velocidade passou a ser usada desde julho de 2006, onde foram fixadas essas novas regras. Especialistas afirmam que não é possível dar margens de velocidade mais altas, com isso a taxa de acidentes com vítimas fatais só tendem a aumentar. Embora as multas tenham aumentado significativamente, é uma das maneiras que se tem de evitar colisões e outros acidentes, é preciso controlar as leis e aumentar a fiscalização para zelar pela vida de todos.

Existem também as lombadas eletrônicas, que também fazem o papel de controlar a velocidade em vias urbanas. Elas não sofreram tanto com mudanças, mas também através delas as multas deram um grande salto, aumentando assim a fiscalização em pequenas e grandes cidades.